La Llorona (A Chorona)

8 Comentarios

"La Llorona" é a lenda mexicana mais famosa. No Brasil popularmente conhecida como "A Chorona", "Bela da Noite" ou "Mulher de Branco", dependendo da região esses nomes são de outras lendas, "La Llorona" é tão marcante que até hoje há pessoas que afirmam que viram ela, alem de tudo isso a lenda serviu de inspiração de folhetins, musicas ( o Beirut tem uma musica com este nome \o/ ), filmes e até mesmo comentado no seriado "Chaves"(Espíritos Zombeteiros). Adiante segue a história:

História 



No ano de 1500, "A Chorona" era a garota mais linda de uma pequena cidade no Texas. Todos os homens da cidade queriam se casar com ela, porem havia somente um homem sortudo com quem ela esperava se casar. Ele fez amizade com a família e foi cortejado durante alguns anos antes do casamento. Depois de três anos já tinham apenas um filho. 

Antes do aniversário de seu filho, o pai saiu de casa para comprar um presente. Ele disse adeus para sua mulher e filho, deixando a cidade logo em seguida, após isso nunca mais foi visto. Correram boatos dizendo que ele tinha deixado sua família por uma amante. Alguns diziam que ele havia morrido, mas ninguém sabia ao certo a razão que ele tinha para ter deixado a família.


Eventualmente, ela conseguiu superar o abandono, fazendo com que o seu coração ficasse apaixonado por um grande fazendeiro rico. Ela contou para ele que estava apaixonada e que gostaria de se casar com ele, mas ela teve de ouvir um não. Decepcionada perguntou o porquê, e sua resposta foi de que, não poderia se casar com ela por culpa de seu filho.

Ela ficou extremamente nervosa e correu para sua casa. Contou ao seu filho que eles iriam tomar banho no rio, a criança lentamente se preparou para ir ao rio. Chegando no "Rio Grande" o garoto ficou perto da borda, com outros planos em mente "A Chorona" disse que ele já era grande o suficiente para nadar no fundo, e assim ele foi...

A água já havia passado o peito das crianças, e a mão tinha acabado de entrar no rio, ela se aproximou de seus filhos, e contará que iria lavar a cabeça deles,  com força foi e afundou a cabeça do filho na embaixo da água, não deixando que a criança voltasse ao topo, conseguiu matar seu próprio filho. 

Depois de observar o corpo de seu próprio filho flutuando correnteza abaixo, ela correu até a casa do seu amor e explicou o que ela tinha feito. Recusando a  acreditar naquilo se sentiu enojado pela a atitude dela, e com isso, declarou que não poderia amar uma assassina, dizendo ainda que nunca mais queria que ela chegasse perto dele ou de sua propriedade.

De repente ela percebeu o que tinha feito à sua família  Voltou correndo até o rio e permaneceu chorando pela a alma de seu filho, chorou e continuo chorando, nada lhe fazia ficar feliz, permaneceu por tanto tempo assim que não se importava de comer, beber ou dormir. Exausta morreu chorando...

Hoje ainda é possível ver ela chorando por seu filho no leito do rio.



Vão pela sombra, Equipe Eutanásia.


#Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg

8 comentários:

  1. Muito bonita! E me ajudou muito na gincana da minha escola muito obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi por nada. Se precisar de outro texto pra escola fica a vontade ^^

      Excluir
  2. ´´e bem assustador

    ResponderExcluir
  3. Gostei muuiitoo!! Me ajudou muito no trabalho da escola!! ^^

    ResponderExcluir
  4. Assisti uma animação dessa lenda legendada e fiquei curioso pra saber a história original, aí achei esse blog que me ajudou muito e pelo visto é ótimo, vou passar a acompanhar as postagens daqui..

    ResponderExcluir
  5. Eu vi outra historia parecida...

    Era uma mulher muito bela que, apesar de que muitos homens a presenteavam com jóias e pedras preciosas ela não se casava com ninguém.
    Um dia veio um cerro homem para aquela cidade e ela se apaixonou. O homem, vendo que ela era bem rica, fingiu de apaixonado também. Foi marcado o casamento.
    Uma semana antes do casamento o homem teve de viajar para negocios. O pai da moça deu um saco de moedas para ele e o homem foi. No dia do casamento, a moça se arrumou lindamente. Usava um belo vestido branco e varias jóias enfeitando seu corpo. O tempo passou e o noivo não chegava. Todos já estavam desconfiando de que ele nai voltaria: havia fugido com o dinheiro do pai da moça. A mulher ficou muito triste e foi correndo para casa, chorando. Deitou em sua cama e não queria saber de mais nada. Não comia, não bebia, apenas chorava, até que um dia, muito doente, a moça faleceu.
    Até hoje a mulher vai atrás de homens e seduz eles até sua casa, achando que é seu noivo sumido. Ao descobrir que ele não é seu noivo, suga a alma dele e à manda para o inferno

    '-'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu comentario nao esta errado ela foi abandonada no altar ok...mais ela tinha 3 filhos e em todo halloweem ela sequestra 3 criancas na margem de um rio e dps as afoga com intenção que seus três filhos voltem...

      Excluir

Não serão aceitos comentários com conteúdo: racista, homofóbico, preconceituoso, maldoso, ou de qualquer índole duvidosa que possam a infringir ou ferir a moral de qualquer um.

Se por acaso o comentário é sobre alguma duvida com relação a postagem, tenha CERTEZA de que está duvida não esteja transcrita na postagem. Ficaremos contentes em tentar responde-lá.

Todas as afirmações contidas nos comentários são de responsabilidade do comentador, o blog Eutanásia Mental, não tem obrigação nenhuma sobre qualquer ato ofensivo nos comentários.

Tudo bem errar uma palavra ou outra, esquecer de algum acento também esta beleza. Agora se escrever tudo errado e não ser possível entender um nada, o comentário não será liberado.

Obrigado pela atenção. Comente e faça um blogueiro feliz :-)